Marketing Digital: exemplos de como salvar sua empresa da falência

Marketing Digital exemplos de ações

Marketing digital: exemplos de ações que podem salvar sua empresa (pequena ou média).

Você não esta sozinho nessa crise mundial de pandemia do COVID-19.

O mundo esta passando por um cenário assustador onde poucos têm a certeza do que devem fazer para se proteger com eficácia.

Mas o cenário para os empresários de pequenos comércios é devastador.

Você pode estar passando por isso, na sua empresa: não sabe como lidar com suas contas ou se seu chefe terá como te pagar.

Como tentar sair desta visão apocalíptica e sobreviver nos próximos meses vendendo seus serviços e produtos?

Confira como o marketing digital tem exemplos de ações que você pode agir agora!

Marketing Digital: exemplos de ações

  1. Seu site deve ser BOM
  2. Tenha uma estratégia simples e executável
  3. Redes sociais podem te salvar
  4. Gere conteúdo útil
  5. Bom atendimento gera mais vendas
  6. Fique de olho na concorrência
  7. SEO (otimização do site) é essencial

1 – Seu Site deve ser BOM

Não adianta tentar vender se seu site não deixa!

Se seu site esta hospedado numa empresa ruim, com certeza a performance do seu site esta prejudicando a experiência de compra dos seus clientes.

Eles querem comprar e seu site não deixa!

Você compra em sites que:

  1. demoram para baixar a página?
  2. não consegue achar o produto pelo nome mais conhecido dele?
  3. as buscas internas nunca acham o que procura?
  4. não funciona no smartphone?

Se disse não para as perguntas acima, seu cliente também não compra.

Simples assim.

Como ter um site BOM para vendas

Você precisa deixar seu site rápido e pensando no público.

Aqui vão algumas dicas:

  1. tenha um site rápido para quem usa celular (mobile first!)
  2. a hospedagem deve ser ágil e não de custo baratinho
  3. as fotos dos seus produtos devem ser de alta qualidade
  4. o modelo de seu site deve ser limpo e objetivo (as pessoas querem comprar e não ficar olhando seu site pela beleza)
  5. promoções, descontos e cupons! Todo mundo gosta de descontos.

Tenha uma estratégia simples e executável

Depois de muito testar seu site e corrigir os erros de performance que pode ter, tenha uma estratégia simples e executável.

Estratégia é uma palavra com origem no termo grego strategia, que significa plano, método, manobras ou estratagemas usados para alcançar um objetivo.

No nosso caso, o objetivo é vender!

Coloque no papel o que pode fazer para que seu produto ou serviço tenha um diferencial do mercado.

Se você vende brigadeiros, defina porque seu brigadeiro é o melhor do bairro, o que faz dele ser bom e porquê as pessoas devem comprar de você.

Pense nos diferenciais do seu brigadeiro e escreva num papel.

Coloque esse plano em ação!

Mas esta estratégia deve ser simples e ágil para que você tenha resultados mais rapidamente.

Não complique suas vendas.

Seja objetivo, com:

  • preço justo
  • embalagem atraente
  • formas de pagamentos mais populares possíveis
  • pense como o seu cliente gostaria de saber antes de comprar seu produto ou serviço

3 – Redes sociais podem te salvar

WhatsApp Como Marketing Digital que salva sua empresa
Whasapp salva!

Você precisa vender para muita gente. Muita gente mesmo.

E para isso, você precisa ir aonde seu cliente esta e hoje ele esta na casa dele, em auto isolamento e praticando o distanciamento social.

E como chegar nele?

Use as Redes Sociais para vender

Você dever ter uma conta da empresa/loja nas principais redes sociais:

  • Facebook
  • Instagram

Mas você deve ter um contato direto com seu cliente, e para isso foque esforços no WhatsApp (não é uma rede social em si).

Centenas de pequenos lojistas estão se mantendo usando o WhatsApp como a única forma de atendimento direto ao cliente deles.

O atendimento via telefone celular deve ser:

  • rápido
  • simples e educado
  • não deixe nada confuso na conversa, e se for necessário, pergunte sempre se o pedido esta correto
  • marque um horário de entrega em que o cliente esteja para receber seu produto e não dê furo.

O WhatsApp não faz milagres, mas seu atendimento sim.

Uma boa venda gera mais vendas pois você terá indicações dos amigos dos amigos do cliente que se sentir satisfeito.

Foque nisso!

4 – Gere conteúdo útil

O seu site deve ter artigos que respondam às perguntas dos seus clientes.

Eles não sabem tudo sobre seu serviço e produto e por isso eles procuram antes as informações necessárias para depois decidir se vão comprar de você!

Tenha páginas com todas as informações (textos e imagens) necessárias para que ninguém tenha dúvida da qualidade do que esta vendendo.

DICA: pegue o produto que mais gera vendas e sempre atualize os dados dele no site. Se for necessário, contrate um profissional de redação.

5 – Bom atendimento gera mais vendas

Bom atendimento gera mais vendas
Cliente Feliz compra mais e indica aos amigos!

Muitos donos de lojas esquecem de cobrar de seus colaboradores o bom atendimento aos clientes.

Se você é mal atendido, voltaria a comprar no local novamente?

Aposto que não!

Portanto vai aqui algumas pequenas dicas para gerar mais vendas sem gastar nada:

  1. Entenda seu cliente. Não há como atendermos um cliente se não soubermos o que ele busca;
  2. Sinta prazer em servir. Atender é servir sorrindo;
  3. Não rime seu atendimento com antipatia;
  4. Não abandone seu cliente, ele precisa de você sempre;
  5. Fale a língua do bom atendimento (seja educado).

6 – Fique de olho na concorrência

Básico mas muita gente se esquece de fazer o essencial: o que meu concorrente esta fazendo e que esta dando resultados?

Sempre dê uma olhada no site da concorrência, nos preços praticados, nas formas de pagamento que usam, no atendimento (presencial ou remoto), nos novos serviços que implataram, nas ferramentas que estão usando para divulgar; enfim, fique de olho neles!

DICA: NÃO FAÇA igual aos concorrentes. Faça melhor!

7 – SEO (otimização do site) é essencial

Marketing Digital
Marketing Digital exemplos de Otimização de Sites

Agora o que adianta tudo isso que leu se seu site não aparece no Google?

Já vi dezenas de clientes que não aparecem no Google ou se aparecem estão longe das primeiras posições.

Se for seu caso, nunca que irão te achar nas buscas das palavras-chave do seu produto ou serviço.

Para isso você precisará de um especialista de SEO.

Este profissional vai te ajudar a:

  1. otimizar seu site
  2. aumentar a perfomance de sua hospedagem
  3. aumentar a sua presença nos resultados das buscas do Google
  4. aumentar seu tráfego orgânico
  5. e muito mais!

Bom, agora com todo esse conteúdo lido, é hora de arregaçar as mangas e trabalhar!

Vender mais só será uma verdade se você começar a usar as dicas acima no seu dia-a-dia.

  1. Marketing Digital Exemplos

    Seu site deve ser BOM.
    Tenha uma estratégia simples e executável.
    Redes sociais podem te salvar.
    Gere conteúdo útil.
    Bom atendimento gera mais vendas.
    Fique de olho na concorrência.
    SEO (otimização do site) é essencial.

SEO em 2020: conheça algumas estratégias que funcionam

SEO em 2020: conheça algumas estratégias que funcionam

O SEO é frequentemente discutido nas discussões de marketing na Internet.

Depois que você investiu na criação de sites, agora precisa se preocupar em otimiza-lo.

Mas quais as estratégias de SEO em 2020?

Como essas técnicas podem melhorar seu posicionamento orgânico?

Certamente não é tão simples, mas é possível!

Veja como usar as estratégias e se posicionar bem nos mecanismos de pesquisa!

Podemos definir SEO (Search Engine Optimization), como o processo de otimização da estrutura e conteúdo de um site, a fim de aumentar a sua visibilidade nos motores de busca.

Maior visibilidade “orgânica” (que significa não paga) nos mecanismos de pesquisa permite obter tráfego gratuito para o site.

O objetivo do SEO é, portanto, tornar seu site o mais atraente possível para usuários e mecanismos de pesquisa, a fim de aumentar o tráfego para ele.

Para conseguir isso, você precisa de uma combinação certa de técnica e marketing.

Vamos ver juntos como fazer isso em 2020!

Tendências de SEO em 2020

1. Google Bert

Uma das principais novidades do panorama SEO diz respeito à introdução do novo algoritmo do Google, Bert, a mais recente revolução, capaz de processar a linguagem natural de uma maneira extremamente avançada, analisando as palavras individuais da consulta de pesquisa em seu contexto e fornecendo resultados incrivelmente precisos.

Em termos de SEO, isso significa que truques hiper-técnicos, com o objetivo de melhorar o posicionamento, estão sendo trabalhados cada vez menos, em favor da qualidade e do conteúdo úteis para o usuário final.

O Google Bert não exige uma otimização de sites específica, mas uma capacidade cada vez mais acentuada de responder com precisão às perguntas dos usuários finais, juntamente com um estudo minucioso das necessidades de seu alvo, que permite sempre propor temas consistentes e interessantes.

Portanto, o foco deve ser colocado em uma comunicação o mais natural possível e projetada nas intenções de pesquisa dos usuários.

2. Snippet em destaque

Um snippet em destaque é um parte de texto que o Google mostra como resposta a uma pergunta específica sem que o usuário precise clicar no link.

Esse tipo de resultado de pesquisa gera um problema importante: reduz o número de visitas ao nosso site.

Mas em vez de considerá-lo um obstáculo, podemos considerá-lo uma oportunidade adicional de branding para nossa empresa.

Mas como podemos aparecer nos snippets em destaque?

Além de estarmos posicionados pelo menos entre os cinco principais resultados de pesquisa do Google, teremos que:

  • Responder a perguntas básicas de forma clara e concisa
  • Usar sinônimos da palavra-chave principal
  • Manter uma boa estrutura organizacional de nosso conteúdo

Os dados devem, portanto, ser estruturados de maneira ideal para destacar não apenas qual conteúdo está presente em uma página, mas que relação existe entre eles e qual link está presente entre as diferentes páginas de um site.

3. Otimização da velocidade de carregamento do site

A velocidade do site é um fator de SEO muito importante, pois as pessoas são extremamente impacientes e esperam que as páginas de um site sejam carregadas em 1-2 segundos.

Como resultado, o Google também favorece sites mais rápidos.

Você pode conferir a ferramenta Page Speed ​​Insight para avaliar a velocidade do seu site.

Muitos fatores podem afetar a velocidade de um site.

Aqui está uma lista sem entrar em detalhes técnicos:

  • Hospedagem de site
  • Presença de muitos redirecionamentos no site;
  • Tamanho das imagens no site;
  • Presença de plugins externos que sobrecarregam o código da página (exemplo: chatbot e plugins sociais);

4. SEO local

O SEO local entra em jogo de maneira predominante quando os usuários pesquisam produtos ou serviços relacionados a um lugar específico.

Qualquer pessoa que tenha uma loja física precisará levar em consideração o SEO local, um ponto fundamental da estratégia, quando desejar que os clientes em potencial encontrem seus próprios negócios.

O Google MyBusiness é um serviço que certamente ajuda muito deste ponto de vista: cuidar da personalização do Google MyBusiness de maneira precisa permite que você seja muito mais visível entre os resultados da pesquisa, com evidentes repercussões positivas nos seus negócios.

5. Busca por imagem em 2020

Cuidar da pesquisa de imagens é um passo extremamente importante para a nossa estratégia SEO em 2020.

A pesquisa de imagens está em ascensão.

As imagens da pesquisa são úteis para pessoas que ainda não sabem o que estão procurando e que procuram inspiração, sugestões, dicas para decorar uma sala ou sugestões de roupas, por exemplo.

As pessoas são mais propensas a adquirir informações através de imagens do que através da escrita.

Aqui estão as áreas em que a pesquisa de imagens é importante:

  • Compras
  • Identificação da paisagem
  • Avaliações de empresas locais
  • Receitas
  • Informações nutricionais

Não fique desatualizado sobre as práticas recomendadas de SEO

As principais tendências de Seo em 2020 são, no entanto, dinâmicas e contínuas.

O universo do SEO geralmente é muito rápido e inova constantemente para ser seguido em regras pré-empacotadas.

Não manter-se atualizado sobre as melhores práticas, alterações de algoritmos e diretrizes para webmasters é prejudicial ao seu sucesso com SEO.

Um hábito que você deve adotar em 2020 é usufruir semanalmente (até mesmo diariamente) sobre as últimas notícias de SEO.

Novos atributos de links: NOFOLLOW, SPONSORED e UGC

Atributos de Links

Conheça os novos atributos de links que o Google liberou esta semana.

Nós só usávamos o atributo no-follow nos links.

Até agora.

O Google liberou dia 10 passado, novos atributos de links além do no-follow: o “sponsored” e o “ucg“.

Veja as novas maneiras de identificar a natureza dos links que o Google acaba de postar.

Atributo rel=”sponsored”

Use o atributo Sponsored para identificar links em seu site que foram criados como parte de anúncios, patrocínios ou outros acordos de compensação.

Atributo rel=”ugc”

Significa “Conteúdo gerado pelo usuário”, e o valor do atributo ugc é recomendado para links dentro do conteúdo gerado pelo usuário, como comentários e postagens no fórum.

E o já conhecido atributo rel=”nofollow”

Use esse atributo para os casos em que você deseja vincular a uma página, mas não implica nenhum tipo de endosso, incluindo a transferência de crédito de classificação para outra página.

Veja a tabela baixo, tirada do site da MOZ:

tabela atributos de links

E ai?

Curtiu os novos atributos de links e já vai sair mudando seus links?

Eu não vou fazer isso, por enquanto.

Já li no Twitter, que o WordPress irá acrescentar esses novos atributos em uma novo update.

100 Planilhas de Marketing Digital e SEO

Planilhas de Marketing Digital e SEO

Mais de 100 planilhas de Marketing Digital e Otimização de Sites. Seu planejamento começa aqui!

Então você trabalha em marketing e em otimização de site (SEO)? Legal!

Independentemente da sua posição – analista, consultor ou com um grau de gerenciamento – você vai ter que investir uma boa parte do seu tempo em planilhas.

A partir do acompanhamento de análises de sites, planejamento de conteúdo ou criação de documentos de pesquisa de palavras-chave, você terá uma visão maior do que planejar e implantar nas suas estratégias.

Toda essa pesquisa leva muito tempo de captura de dados e análise.

Mas podemos otimizar nosso tempo usando as Planilhas Google.

Graças a boa-vontade de algumas pessoas neste mundo que criaram planilhas no Google Spreadsheet que irão otimizar nosso tempo nestas tarefas rotineiras.

100 Planilhas de Marketing Digital… ou mais!

Depois de anos procurando por novos templates de planilhas de planejamento de marketing digital e SEO, hoje fomos premiados pelo tuíte do @sheetsmarketer que fez o gigantesco trabalho de pesquisar e selecionar mais de 100 planilhas sobre o tema de marketing digital.

O autor criou uma seleção de planilhas categorizadas em:

  • Análise
  • Auditoria
  • Calculadoras
  • Pesquisa de Concorrência
  • Conteúdo
  • Pesquisa de Palavra-chave
  • Link Building
  • SEO On Page
  • Busca Paga
  • Gerenciamento de Projeto
  • Relatórios
  • Scraping
  • Redes Social
  • SEO Técnico
  • Outros

Nem todas planilhas são gratuitas. Algumas são pagas e precisam usar ferramentas conhecidas como o SEMrush, AHREFS, MOZ e Majestic.

E nem todas tem versão free ou trial. 🙁

Mas a vasta variedade de opções valem o investimento para nosso dia-a-dia.

Minha planilha de SEO preferida

Existem dezenas de planilhas para serem usadas no Google Spreadsheets – basta copiá-las para seu drive – e claro, não vi todas, ainda.

Mas a que eu vou usar, com certeza, é a RankTank.

ranktank planilha seo
Planilha RankTank v22

Ela faz o que promete: monitora o posicionamento na SERP de palavras-chave!

Isso para mim é ouro pois economiza muito o meu tempo de pesquisa.

E ai, curtiu esse novo mundo de planilhas para agilizar suas entregas, análises e performance?

Se sim, comente e compartilhe com seu time!

Google lança nova série de vídeos: SEO Mythbusting

seo mythbusting

SEO Mythbusting

A nova série de vídeos da equipe de analistas de tendências para web do Google, visa esclarecer equívocos comuns e responder a perguntas urgentes sobre tópicos de SEO (otimizações de sites).

O Google está lançando uma nova série de vídeos no seu canal do YouTube para webmasters, chamado “SEO Mythbusting“.

A série de vídeos contará com Martin Splitt, da Equipe de Tendências para webmasters do Google, que falará com desenvolvedores e SEOs sobre equívocos comuns.

Os vídeos abordarão o SEO técnico para esclarecer equívocos comuns e abordar as perguntas frequentes.

O trailer de SEO Mythbusting

Abaixo está o trailer de vídeo com SEOs e desenvolvedores em nossa comunidade, além do Martin Splitt, do Google:

Por que devemos nos importar?

Como o Google colocou na descrição do vídeo, “SEO pode ser um pouco caixa preta e nem sempre é fácil para SEOs e desenvolvedores trabalharem juntos e falar o mesmo idioma”.

Esses vídeos vão cobrir muitos desses mitos e fatos. – e pode ser usado como dados de suporte para clientes e colegas que oferecem pontos que podem não ser factualmente verdadeiros ou recomendados no espaço SEO.

Episódio 1

Neste primeiro – e introdutório – episódio de SEO Mythbusting, Martin Splitt (WebMaster Trends Analyst, Google) e seu convidado Juan Herrera (Angular GDE, Wed Developer em Parkside) discutem os fundamentos básicos de SEO como:

  • O que é um mecanismo de busca? (0:57)
  • O que está rastreamento? (1:32)
  • Como o Google determina quais resultados de pesquisa são relevantes para quais usuários? (2:51)
  • Quais são as 3 principais coisas que devo fazer para tornar meu site passível de ser descoberto? (3:17)
  • Por que é importante que um site apareça nos principais resultados da pesquisa? (7:52)

Nos futuros episódios de SEO Mytbusting, teremos tópicos mais avançados como:

  1. SEO e Googlebot,
  2. SEO e JavaScript,
  3. SEO e Web Performance,
  4. SEO e Web Frameworks, e
  5. SEO e Futuro da Web.

Episódio 2 – SEO e Googlebot

Conteúdo:

  • O que é – e o que não é – o Googlebot (rastreamento, indexação, classificação) (1:02)
  • O Googlebot se comporta como um navegador da Web? (3:33)
  • Com que frequência o Googlebot rastreia, quanto rastreia e quanto um servidor pode suportar? (4:03)
  • Crawlers e sites baseados em JavaScript (9:04)
  • Como você diz que o Googlebot está visitando seu site? (11:12)
  • A diferença entre a indexação em dispositivos móveis e a compatibilidade com dispositivos móveis (12:28)
  • Indicadores de qualidade para classificação (13:35)

Episódio Bônus: Dados Estruturados

Documentação mencionada neste episódio:

Episódio 3 – SEO e JavaScript

Conteúdo deste vídeo:

  • De onde vêm os equívocos sobre SEO e JavaScript? (0:00)
  • JavaScript é o diabo? (1:56)
  • Carregamento lento na pesquisa (5:11)
  • Ajax, SEO e orçamento de rastreamento (5:36)
  • Googlebot & JavaScript (8:21)
  • A pré-renderização é sempre a melhor solução? (10:48)
  • Quais são os benefícios para o usuário de implementar bem o JavaScript SEO? (12:38)
  • O que os SEOs devem procurar em uma pilha de soluções de sites? (13:33)
  • Ferramentas de teste recomendadas para JavaScript SEO (15:10)

Documentação citada no vídeo:

Episódio 4 – SEO & Web Perfomance

Conteúdo deste episódio:

  • A Web para dispositivos móveis e a Web em dispositivos de baixo custo (1:21)
  • Métricas de desempenho como um fator de classificação para resultados de pesquisa (2:17)
  • Como o Google comunica as métricas de SEO atualizadas para empresas de SEOs / SEO / desenvolvedores da Web? (3:31)
  • Sites JavaScript – ranking, indexação e desempenho (5:09)
  • É mais amigável para SEO confiar em HTML e CSS semânticos modernos do que em JavaScript? (7:20)

Documentação mencionada neste episódio:

Episódio 5 – Web Frameworks

Conteúdo do episódio:

  • Os mecanismos de pesquisa executam JavaScript? (1:28)
  • Como depurar os problemas de descoberta do seu site com os novos recursos do Google Search Console? (2:39)
  • Quais recursos podem ser considerados nos rastreadores do Google? (4:17)
  • Para sites construídos usando estruturas da Web, a Pesquisa do Google atende a datas de envio e sob quais condições? (5:10)
  • O conteúdo é acessível por manipuladores de eventos onclick e botões indexáveis? (7:30)
  • Como você pode tornar seu conteúdo facilmente descoberto se você usar a rolagem infinita? (9:45)
  • Solução de problemas de SEO para sites dirigidos por trabalhadores da Web (11:06)
  • Existe muita diferença entre os tamanhos de estrutura e as abordagens de como eles são rastreados? (12:39)

Documentação mencionada neste episódio:

Episódio 6 – SEO & Futuro da Web

Conteúdo do episódio:

  • O mesmo conteúdo em várias versões, PWA / desktop site / AMP / etc. vs Pesquisa do Google e SEO (2:19)
  • Integração de ferramentas web e SEO atuais e futuras (Google e terceiros) (4:50)
  • As variáveis “desconhecidas” e desempenho de pesquisa (7:32)
  • Os componentes da web e o scroller virtual são compatíveis com SEO? (10:06)
  • O futuro dos assistentes e dados semânticos e estruturados (12:38)

Documentação mencionada neste episódio:

Curtiu? Se precisar de ajudar numa consultoria SEO SP técnico, fale comigo.