Blog

Quantas tag H1 posso usar numa página?

curso de seo

Vamos conhecer o poder da tag H1 em uma página e descobrir finalmente se podemos usar somente uma vez ou não. Confira!

No Linkedin, me perguntaram quantas vezes tenho que usar a tag H1 numa página, para que seja eficiente meu SEO Score?

Eu sempre segui a regra de usar apenas uma única vez a tag H1 em uma página.

Eu via nisso a relevância que precisava entregar ao Google (e aos outros buscadores) o que eu relamente estava falando naquela página.

Mas não fiquei satisfeito em responder assim, sem antes fazer uma pesquisa mais aprofundada.

E descobri algo incrível sobre a tag H1.

Mas o que é a tag H1?

Preste atenção nesta citação:

As Heading Tags (H1, H2, H3, …) são recursos de programação HTML utilizados para destacar títulos e sub-títulos de uma página.

H1 é a abreviação do inglês para Header 1, ou Cabeçalho 1, logo, o mais importante dos Headers.

Conceitualmente, o H1 possui um destaque maior, uma fonte maior, e é geralmente o elemento de texto mais visível da página.

Assim como nos negritos de uma página e o Title, a tag H1 é um importante elemento que o Google utiliza para determinar o principal assunto abordado em uma página, visto que o título de uma página conceitualmente define seu conteúdo.

fonte

Ok! Agora sabemos a importância da tag.

Mas podemos usá-la quantas vezes numa mesma página?

Eu posso aumentar o SEO SCORE dela, inserindo muitas tags H1 ou ser penalizado por isso, caindo de posições na SERP?

O que diz o Google sobre o uso da Tag H1

John Muller (sempre ele), engenheiro do Google, fez um vídeo sobre este tema que explodiu minha mente.

Confira:

Ou seja, use quantas tags H1 quiser, em um documento HTML5.

E convenhamos, a maioria dos sites hoje são feitos em HTML5. Pelo menos os sites mais modernos.

Como criar tags h1 que funcionam:

  1. Use apenas uma h1 (se sua página não for em HTML5);
  2. Sua h1 deve descrever o tópico da página;
  3. Coloque a sua h1 em destaque;
  4. Crie h1s para que o usuário tenha uma boa experiência;
  5. Use uma palavra-chave long-tail e concentrada em sua h1;
  6. Corresponda à intenção do usuário com a sua h1;
  7. Se usar tag em uma imagem (logo do site, por exemplo), coloque a palavra-chave no atributo ALT TEXT;
  8. Concentre sua tag em até 70 caracteres e não abuse do uso da palavra-chave;

Conclusão

Na minha opinião, sou mais old school quanto a isso.

Não curto a ideia de usar muitas tags H1 em uma única página.

Eu gosto de controlar o uso das tags, o uso das palavras-chave nelas, mensurar resultados de forma mais clara e simples.

Para quê complicar?

Enfim, agora é contigo!

SEO é feito de testes.

Pegue uma página e insira mais tags h1 e veja o comportamento dela na SERP por alguns dias. Na dúvida, contrate um consultor SEO.

SEO SPAM? Ignore-os, diz Google

SEO SPAM

John Mueller, do Google, disse que você pode ignorar as ameaças negativas de SEO, ataques, chantagens e outras tentativas de fazê-lo fazer algo que você não quer fazer.

SEO Negativo
SEO SPAM ou SEO Negativo

E ai, cair de posicionamento

Ele foi perguntado por um usuário no Twitter:

Como podemos estar seguros de SEO SPAM (negativo), como CTR Attack & Bounce Attack?

John simplesmente respondeu assim no Twitter:

“Você pode simplesmente ignorá-lo”.

John Muller do Google, via Twitter

SEO SPAM tem sido uma coisa para as idades e golpistas e similares têm vindo a usá-lo há anos.

Matt Cutts, em 2013, abordou a questão e está em discussão desde então.

O Google vem dizendo para não prestar atenção nestas ameaças por anos.

Se você está realmente esta preocupado, quando se trata de links, simplesmente rejeite-os via Google Search Console.

Mas no geral, o Google disse que o SEO SPAM é uma perda de tempo – por isso, não se preocupe.

Você acredita ou tem dúvidas? Comente com a gente.

Google repete: não se preocupe com palavras-chave na URL

Google diz para não se preocupar com palavras-chave nas URL's

Google diz para não se preocupar com palavras-chave nas URL’s, afinal os usuários não veem.

Por esta você não esperava.

John Mueller do Google repetiu dizendo para não se preocupar com palavras ou palavras-chave nos URLs.

John respondeu a uma pergunta recente no Twitter dizendo:

“Eu não me preocuparia com palavras-chave ou palavras em um URL. Em muitos casos, as URLs não são vistos pelos usuários de qualquer maneira.”

Johm Mueller

Ele faz referência ao vídeo de Matt Cutts de 2009, onde diz que as palavras-chave desempenham um papel pequeno no ranking, mas muito pequeno.

Em 2017, John Mueller disse que as palavras-chave, em URLs, ganham importância demais e que é um pequeno fator de classificação.

E o que você acha disso, SEO?

Você importância para suas URL’s colocando a palavra-chave em todas, super-otimizando-a?

Guest Posts – O que é e como aumentar seus backlinks

Guest Post - O que é e como aumentar a qualidade de seus backlinks

Como conseguir GUEST POSTS?

Esta procurando um jeito simples de achar backlinks de qualidade e relevância para seu site?

Acho que tenho um jeito novo para você testar e usar no seu processo de marketing digital.

O que é Guest Posts

Os guest posts são os conhecidos artigos de convidados, ou seja: quando uma pessoa é convidada para escrever em um site ou blog em que não é o dono.

Se você é dono de um blog e convida um especialista no nicho que seu blog aborda para escrever, este artigo que será publicado é um guest post.

No nosso caso, queremos que nosso link apareça em sites de terceiros em conteúdos relevantes e assim todo mundo sai ganhando: quem publica e o leitor do site dele com mais conteúdo original e único.

Pesquise uma site de autoridade

Para ter um backlink de relevância você precisa achar um site de autoridade alta, tipo acima de 30.

Isso você pode conferir usando o site do MOZ e sua famosa extensão pro Google Chrome.

Depois de instalar no seu navegador, use a pesquisa do Google para achar sites que tenham um DA (domain authority) acima de 30.

Depois que pesquisou e achou alguns sites com esta característica, você precisa saber se eles tem assuntos do seu segmento e nicho. Tipo tecnologia ou marketing digital, por exemplo.

E depois?

Ache url’s quebrados!

Sim!

Usando a ferramenta do AHREFS, você vai descobrir url’s quebradas – que não estejam oline – e ai você pode entrar em contato e sugerir o SEU conteúdo para suprir aquela lacuna.

Claro que seu link estará dentro do novo artigo que vai dar de “graça”! 🙂

Como usar o AHREFS para achar backlinks

Fiz um vídeo pequeno de 1 minuto – sim, isso tudo – que vai mostrar todos os passos:

  1. Entre no ahrefs.com e digite o site que pretende ter um artigo;
  2. Clique em Páginas > O melhor por Links;
  3. Selecione em HTTP CODE o erro “404 not found”;
  4. Pronto! Agora entre em contato com o site e se disponha a criar um artigo completo sobre o assunto em troca de um backlink.

Agora é com você meu amigo e amiga!

Guest Posts fácil assim, nunca vi antes.

O que é READABILITY (legibilidade)?

readability legibilidade

Readability é fazer seu leitor entender o conteúdo do seu texto

Não adianta nada investir milhares de reais em marketing digital ou em campanhas de links patrocinados esperando resultados se o leitor não consegue entender seu texto, para isso foque em readability.

Readability é mais que a legibilidade de um texto.

É criar um texto útil, relevante e de fácil entendimento e é isso que o Google ama.

Vamos descobrir mais sobre a legibilidade de um texto!

Prendendo a atenção do leitor

Um leitor, em média, não espera mais do que alguns segundos para começar a ver o conteúdo de uma página surgir na tela do seu celular.

Somos leitores muito ansiosos!

Queremos saber tudo ao mesmo tempo agora!

E a forma como escrevemos e mostramos nosso conteúdo textual tem impacto nesta espera.

O leitor quer ler o que procura o quanto antes e para isso ele procura visualmente o bloco de texto que tem a palavra-chave que procurou no Google.

Você também é assim, não é?

Você esta lendo ainda?

Se respondeu sim, o readability (ou a legibilidade) está funcionando.

Passar a mensagem de maneira que uma criança entenda, sem forçar a barra com palavras difíceis, farão seu texto ter mais sucesso.

Neste momento, reparem que:

  • escrevo parágrafos curtos e objetivos
  • tenho intertítulos definindo novos assuntos
  • negritei palavras para dar ênfase e foco mental ao leitor
  • os espaços das entrelinhas são maiores
  • o tamanho da fonte é maior do que esta acostumado a ler por ai.

Isso é legibilidade a favor do leitor.

O que é readability?

Como melhorar a readability do seu conteúdo

  1. Usar parágrafos curtos;
  2. Criar sentenças curtas;
  3. Focar na sua audiência;
  4. Usar poucas palavras difíceis;
  5. Usar palavras de transição (portanto, entretanto, enquanto, consequentemente).

Ferramentas Online de Legibilidade

Existem equações para determinar a legibilidade de um texto, consequentemente, existem ferramentas para nos ajudar a calcular o melhor formato de texto.

Para quem não usa o WordPress e usa o plugin do YOAST (análise de legibilidade), e precisa escrever os textos em outros editores, segue uma lista de ferramentas online:

Portanto, chegamos ao que interessa: foco do leitor em nossa página.

Flesch Reading Score

É recomendado ter menos de 25% dos parágrafos do texto com menos de 20 palavras em uso.

A fórmula do Flesch Reading Score é assim: quanto maior for a pontuação mais é fácil leitura.

Consequentemente, uma baixa pontuação indica dificuldades de leitura.

Concluindo, crie um texto para crianças de 12 anos. Se elas entenderem a mensagem a legibiliade (readability) será perfeita para o Google!