Blog

O que é READABILITY (legibilidade)?

readability legibilidade

Readability é fazer seu leitor entender o conteúdo do seu texto

Não adianta nada investir milhares de reais em marketing digital ou em campanhas de links patrocinados esperando resultados se o leitor não consegue entender seu texto, para isso foque em readability.

Readability é mais que a legibilidade de um texto.

É criar um texto útil, relevante e de fácil entendimento e é isso que o Google ama.

Vamos descobrir mais sobre a legibilidade de um texto!

Prendendo a atenção do leitor

Um leitor, em média, não espera mais do que alguns segundos para começar a ver o conteúdo de uma página surgir na tela do seu celular.

Somos leitores muito ansiosos!

Queremos saber tudo ao mesmo tempo agora!

E a forma como escrevemos e mostramos nosso conteúdo textual tem impacto nesta espera.

O leitor quer ler o que procura o quanto antes e para isso ele procura visualmente o bloco de texto que tem a palavra-chave que procurou no Google.

Você também é assim, não é?

Você esta lendo ainda?

Se respondeu sim, o readability (ou a legibilidade) está funcionando.

Passar a mensagem de maneira que uma criança entenda, sem forçar a barra com palavras difíceis, farão seu texto ter mais sucesso.

Neste momento, reparem que:

  • escrevo parágrafos curtos e objetivos
  • tenho intertítulos definindo novos assuntos
  • negritei palavras para dar ênfase e foco mental ao leitor
  • os espaços das entrelinhas são maiores
  • o tamanho da fonte é maior do que esta acostumado a ler por ai.

Isso é legibilidade a favor do leitor.

O que é readability?

Como melhorar a readability do seu conteúdo

  1. Usar parágrafos curtos;
  2. Criar sentenças curtas;
  3. Focar na sua audiência;
  4. Usar poucas palavras difíceis;
  5. Usar palavras de transição (portanto, entretanto, enquanto, consequentemente).

Ferramentas Online de Legibilidade

Existem equações para determinar a legibilidade de um texto, consequentemente, existem ferramentas para nos ajudar a calcular o melhor formato de texto.

Para quem não usa o WordPress e usa o plugin do YOAST (análise de legibilidade), e precisa escrever os textos em outros editores, segue uma lista de ferramentas online:

Portanto, chegamos ao que interessa: foco do leitor em nossa página.

Flesch Reading Score

É recomendado ter menos de 25% dos parágrafos do texto com menos de 20 palavras em uso.

A fórmula do Flesch Reading Score é assim: quanto maior for a pontuação mais é fácil leitura.

Consequentemente, uma baixa pontuação indica dificuldades de leitura.

Concluindo, crie um texto para crianças de 12 anos. Se elas entenderem a mensagem a legibiliade (readability) será perfeita para o Google!

Qualidade de Conteúdo – Google solta bomba sobre indicativos de qualidade

Qualidade de conteúdo

Bomba! Google solta bomba sobre indicativos de qualidade

Google: Contagem de palavras, contagem de links, taxas de texto âncora não são indicativos de qualidade!

John Mueller, do Google, respondeu no Twitter dizendo que a contagem de palavras, número de backlinks, número de links externos, a porcentagem de texto âncora e assim por diante não é “indicativo de qualidade“.

Aqui está o tweet e a resposta de John.

indicativo de qualidade

Então, se nenhum deles é um indicador de qualidade, como o Google mede a qualidade?

Ou talvez John esteja dizendo que artigos com menos palavras ou menos links podem ter a mesma qualidade que o artigo acima?

Eu não acho que qualquer SEO concordaria com John que essas métricas específicas não são importantes na estratégia de SEO, pelo menos de alguma forma, elas devem ser usadas pelo algoritmo de classificação do Google para medir a qualidade e a relevância.

Os SEOs devem ficar obcecados com essas métricas?

Não.

Mas eles são indicativos de como o Google mede a qualidade?

Talvez?

Mas John está dizendo que não é.

E agora?

fonte: Seroundtable

Google Search Console aparece nas páginas de resultados da busca

Logo do Google

Snapchat do Google Search Console aparece nas páginas de resultados da busca – SERP

O Google agora está mostrando a alguns usuários um instantâneo (snapchat) ou um breve painel de controle de suas métricas do Google Search Console diretamente nos resultados da pesquisa.

O Google agora está mostrando a alguns usuários um instantâneo (snapchat) ou um breve painel de controle de suas métricas do Google Search Console diretamente nos resultados da pesquisa.

Ou seja, se você for um usuário verificado do site no Google Search Console e seu site aparecer nos resultados da pesquisa para essa consulta.

Mas muitas pessoas estão vendo isso para muitas consultas classificadas por seus sites.

Isso esta totalmente implementado?

Isso não serve apenas para o nome do site ou para as consultas de marca, mas também para consultas mais genéricas, nas quais o site é retornado nos resultados da pesquisa.

Muitos estão relatando que estão vendo isso agora.

Como ele ainda não parece totalmente implementado, pode chegar a todos os usuários ou pode ser apenas um teste.

Não está claro neste momento.

Por que o Google está fazendo isso?

O Google esta tentando atingir mais pessoas para usar e fazer o check-in em seus sites no Google Search Console. Fale com seu consultor de SEO para entender melhor isso.

Isso me lembra os esforços do Google Meu Negócio.

Uma maior conscientização sobre a saúde do seu site nos resultados da pesquisa ajuda tanto o proprietário do site quanto o Google.

fonte: SEL

Você conseguiu ver seus dados do Google Search Console nas buscas?

Google 20 anos celebra com um novo Doodle

Google 20 anos

Google 20 anos: 20º aniversário com Doodle com 17 ovos de Páscoa

Hoje é o vigésimo aniversário do Google.

Sentindo-se velho?

Eu também, pois me lembro do dia que usei o Google pela primeira vez.

Trabalhava como webdesigner num banco de uma montadora alemã.

Doodle de 20º aniversário do Google

Para comemorar, saiu um vídeo na forma das buscas mais populares nas últimas duas décadas:

Inclui tudo, desde [o que é o Google] até [Plutão ainda é um planeta?] para [mostrar fotos de animais fofos].

Observe o tamanho do índice na versão de 1998 do Google no início do vídeo: “~ 25 milhões de páginas (que em breve serão muito maiores)”.

O índice do Google agora inclui mais de cem trilhões de páginas da web.

Ovos de Páscoa do Google Birthday

Há também 17 pesquisas no Google que acionam novos ovos de páscoa que dizem: “É 2018! Você quis dizer: xxx ”.

Por exemplo, pesquise por [googol] e o Google retorna: “É 2018! Você quis dizer: google ”.

A história ridiculamente breve do Google.

O Google foi concebido pelos co-fundadores Larry Page e Sergey Bring em 1995 na Universidade de Stanford.

A busca no Google certamente mudou muito desde que abriu as portas em Menlo Park, Califórnia, em setembro de 1998.

Aquela porta veio com um controle remoto, já que estava anexada à garagem de um amigo que sublocava espaço para a equipe de três pessoas da nova corporação.

O escritório oferecia várias grandes vantagens, incluindo uma lavadora e secadora e uma banheira de hidromassagem.

Você também pode verificar a garagem através do Google Street View aqui.

Em 1998, o Google estava oferecendo resultados para cerca de 10.000 consultas de pesquisa todos os dias.

Hoje, o Google está veiculando resultados para 40.000 consultas de pesquisa a cada segundo.

E hoje eu ganho a vida com isso.

Parabéns Google 20 anos!

Semrush Grátis do Neil Patel: Ubersuggest é a ferramenta do momento!

ubersuggest neil patel

Semrush Grátis do Neil Patel: Ubersuggest é a ferramenta que veio para quebrar o mercado!

Conforme informamos em abril deste ano, saiu a versão “quase” final da ferramenta de análise de palavras-chave do Neil Patel, o Ubersuggest!

Quem é Neil Patel mesmo?

Ele declarou em seu blog, que o intuito é competir diretamente com as ferramentas mais usadas no mercado de marketing digital – com foco em SEO – como o Semrush, o Moz e o Ahrefs.

Ele espera ganhar mais tráfego orgânico investindo mais de 157 mil dólares nesta ferramenta que é gratuita!

Mas quem é Neil Patel?

Ubersuggest (o Semrush grátis) oferece:

  • visão geral da palavra-chave
  • ideias de palavra-chave
  • análise da SERP da palavra-chave

Pelo visto, mais features deverão chegar em breve como um Analisador e ideias de Conteúdo.

Abaixo o meu pequeno papo com o guru do marketing digital.

Ideias de palavra-chave

E para ajudar, temos uma tabela com o SEO DIFFICULTY. Veja.

Enfim, podemos usar uma ferramenta no lugar do Semrush, até certo ponto é claro; pois não se compara ao poder dele, mas quem pode imaginar o impacto que ele vai fazer na concorrência não é?

Curtiu o “Semrush Grátis”, então comente!